Notícias

Atividade do comércio no 1º tri sobe 7,3%, maior alta em 5 anos, diz Serasa

05/04/2018

O movimento dos consumidores no comércio varejista do País cresceu 0,6% em março na comparação com fevereiro, com ajuste sazonal, segundo a Serasa Experian. Em relação ao terceiro mês de 2017, sem ajuste, a alta foi de 8,8%. No primeiro trimestre, a atividade no varejo subiu 7,3% no confronto com igual período do ano passado.

Conforme a instituição, o crescimento é o maior para um primeiro trimestre dos últimos cinco anos. Em 2017, houve recuo de 2,9%; queda de 8,5% em 2016; alta de 0,6% em 2015 e de 3,3% em 2015, nessa base de comparação.

#galeria#

"O avanço da massa real de rendimentos e o impulso proporcionado pela expansão do crédito, face à sequência de redução das taxas de juros e da melhora dos níveis de confiança do consumidor, impactaram favorável no primeiro trimestre", avalia em nota a Serasa.

O segmento de móveis, eletroeletrônicos e informática foi o que mais cresceu em março (1,9%) em relação a fevereiro. Na sequência, aparece o setor de tecidos, vestuário, calçados e acessórios, com elevação de 1,0% no terceiro mês do ano.

Em contrapartida, a categoria de supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas teve retração de 2,0% em março, enquanto a de combustíveis e lubrificantes cedeu 1,2% e a de material de construção caiu 2,0%.

No acumulado do primeiro trimestre ante igual período de 2017, o segmento de móveis, eletroeletrônicos e informática foi o que mais cresceu (12,4%). O setor de veículos, motos e peças registrou alta interanual de 4,9%, seguido pelo ramo de supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas, com expansão de 1,7%.

Na contramão, houve queda de 8,6% na categoria de combustíveis e lubrificantes, recuo de 4,2% em tecidos, vestuário, calçados e acessórios e declínio de 6,9% em materiais de construção, sempre quando comparados com o primeiro trimestre do ano passado.

Fonte: Jornal do Brasil

Reconhecida de Utilidade Pública: Lei Municipal Nº 1381/76 - Lei Estadual Nº 1559/89
Filiada: Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado do Rio de Janeiro.

Agência Interagir